De que lado você está?

Em matéria publicada no site Favela em Pauta (http://www.favelaempauta.com), foi feita uma análise das narrativas predominantes sobre a Baixada Fluminense nas redes sociais e nos veículos tradicionais. Apesar de temas como cultura e política terem ampla discussão nas redes quando o assunto é Baixada, as matérias da imprensa tratam, em sua maioria, da violência. A

Marco Zero Conteúdo: jornalismo vintage no Nordeste

Carol Monteiro apresenta ao Festival 3i a Marco Zero Conteúdo, coletivo de jornalismo independente em atuação no Recife. Composto por sete jornalistas vindos da mídia tradicional, o coletivo busca se tornar uma referência para o jornalismo independente no Nordeste, praticando um jornalismo de profundidade, capaz de interferir nos processos políticos locais. Há dois anos no

El País: um fenômeno brasileiro

São Paulo é a terceira cidade do mundo com mais leitores do El País, a frente de toda a América hispânica e atrás apenas de Madrid e Barcelona. Carla Jimenez conta um pouco da história deste sucesso, desde a chegada do jornal ao Brasil após os protestos de junho de 2013, que renderam à cobertura

Comunicação em sistemas distribuídos

Arquiteto de formação e designer, Caio Vassão discute o impacto da banalização da tecnologia no jornalismo, propondo repensá-lo de forma integrada com os processos e sistemas complexos da cultura contemporânea. Nesse novo cenário, marcado pela internet e seu modelo distribuído de organização, o produtor de informação deve atentar para o aspecto autoral da leitura, para

Jornalismo: uma experiência audiovisual

Jornalista do Profissão Repórter e documentarista, Caio Cavechini discute as possibilidades e desafios por trás do uso de ferramentas audiovisuais nas práticas jornalísticas. A partir de exemplos do programa e do documentário ‘Carne e Osso’, Caio demonstra como o audiovisual é capaz de produzir uma experiência de impacto no espectador. Essa ambiência audiovisual, se por

Jornalismo independente… mas de quê?

Para que serve a independência editorial? Quais forças podem tentar interferir no conteúdo que a mídia quer levar para a sociedade? Independência do jornalista ou do veículo? Em um cenário em que a mídia tradicional vêm perdendo fontes de receita e veículos “independentes” ainda buscam um modelo de negócio adequado às suas necessidades, Ana Estela

Libre: transformando likes em reais

Como encontrar uma saída econômica para a mídia independente, em que o retorno financeiro esteja ligado não tanto ao número de cliques, mas à relevância do conteúdo? Bruno Torturra encerra o Festival 3i apresentando o Libre (https://midialibre.org.br/), uma plataforma sem fins lucrativos que promete pensar o jornalismo fora do formato analógico. A ferramenta permite que

Skip to content