Democracia
Painel

Defesa de jornalistas e comunicadores

Como podemos combater a realidade de sistemáticas violações à liberdade de expressão, acolher denúncias de ataques e de ameaças a jornalistas. Por que é fundamental que os jornalistas se unam e se articulem enquanto categoria para se proteger?

*Inscreva-se para receber os links e participar de todas as conversas

Convidados

Juliana Vieira Santos – Rede Liberdade

Ela é advogada, especialista em litígio estratégico e coordenadora Jurídica da Rede Liberdade – articulação formada por advogadas e advogados e representantes de entidades da sociedade civil para a atuação jurídica em casos de violação de direitos e liberdades individuais. Juliana é mestre pela Harvard Law School e doutora em direito do estado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). É conselheira da Associação de Advogados de São Paulo – AASP e colaboradora jurídica da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil – APIB e da Comissão Arns.

Giuliano Galli – Instituto Vladimir Herzog

Ele é coordenador da área de Jornalismo e Liberdade de Expressão do Instituto Vladimir Herzog. Coordena a Rede Nacional de Proteção de Jornalistas e Comunicadores e compõe a Comissão de Direito à Comunicação e à Liberdade de Expressão do Conselho Nacional de Direitos Humanos. A Rede Nacional é uma organização da sociedade civil criada em junho de 2009 para celebrar a vida e o legado de Herzog, jornalista assassinado pela ditadura militar que dominou o Brasil entre 1964 e 1985. A instituição tem como missão trabalhar com toda a sociedade pela defesa dos valores da Democracia, dos Direitos Humanos e da Liberdade de Expressão.

Charlene Nagae – Instituto Tornavoz

Ela é diretora Executiva do Instituto Tornavoz. A associação se propõe a garantir defesa jurídica especializada àqueles que sofrem ameaças ou processos em razão do exercício da manifestação do pensamento e expressão, bem assim se propõe a promover a discussão e valorização desses direitos, através de participação em processos estratégicos e de ações de conscientização. Charlene é advogada com ampla experiência na defesa da liberdade de expressão na esfera cível, formada pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (2006) e pós-graduada em Propriedade Intelectual e Novos Negócios pela Fundação Getúlio Vargas – SP (2020).

Emmanuel Colombié – Repórteres sem Fronteiras

Graduado da escola superior de comércio/negócios Kedge, em Marseille e do Instituto francês de Jornalismo (IFJ) em Paris. Possui várias experiências como jornalista econômico, na imprensa escrita (revista e web), na redação do grupo de mídia Les Echos, L’Express, e como responsável editorial do site Yahoo Finanças na França. Diretor do escritório América latina da ONG Repórteres sem Fronteiras (RSF), baseado no Rio de Janeiro. Apaixonado pelas culturas sul-americanas. Coordena as atividades de advocacy, mediação, assistência, capacitação e comunicação da RSF na América latina, trabalhando também como administrador da rede de correspondentes, representantes e parceiros da organização, e como Porta-voz da RSF em língua espanhola e portuguesa .

Patrocinadores

Apoiadores de trilhas

Skip to content